Este é o segredo para manter segredos

Ética à parte, essas são as razões psicológicas pelas quais é tão difícil não derramar o feijão.

Este é o segredo para manter segredos

Alguma vez alguém compartilhou uma informação em sigilo e pediu para você não contá-la a ninguém - então você derramou o feijão de qualquer maneira? Claro que você fez! Você é humano. Alguns de nós são melhores em guardar segredos do que outros. Para entender por que - e o que faz com que a tentação de quebrar o silêncio sobre os segredos dos outros seja tão alta - você primeiro precisa entender a psicologia do segredo em si.

Vários tipos de segredos



Um segredo é qualquer informação que é intencionalmente escondida de outra pessoa. Existem três razões principais pelas quais alguém - ou uma organização como uma empresa ou país - deseja manter um segredo.

Uma é que a pessoa ganha uma vantagem estratégica por ter informações que outras pessoas não têm. Richard Nixon e Henry Kissinger ficou quieto sobre seu contato inicial com o governo chinês na década de 1970, a fim de evitar reações do Congresso. Da mesma forma, as empresas costumam manter as informações de remuneração de seus funcionários em segredo para evitar que os candidatos as usem durante as negociações salariais (embora isso esteja começando a mudar em alguns trimestres).



Se você está envolvido em uma discussão complexa, pode ser difícil acompanhar o que você tem permissão para dizer e o que não é.

A segunda razão é que a informação teria consequências negativas para o detentor do segredo se fosse mais amplamente conhecida. Pessoas envolvidas em atividades ilegais mantêm esses segredos por motivos óbvios.



A terceira é que a informação teria consequências negativas para outro indivíduos se descobriram sobre isso. Um exemplo óbvio é uma festa surpresa, em que a surpresa seria arruinada se a pessoa surpreendida soubesse disso com antecedência.

Existem casos de negócios em que esse tipo de sigilo também pode ser valioso. No início deste ano, Kraft removeu cores artificiais de sua mistura de macarrão com queijo, mas manteve as notícias dessa mudança em segredo por três meses depois de lançá-la para que não influenciasse o paladar dos consumidores (que pode ser afetado pelas expectativas). Como Kraft antecipou, as pessoas não notaram nenhuma mudança no sabor, e por isso a empresa lançou uma campanha publicitária para que as pessoas saibam sobre a mudança bem depois de acontecer.

o que significa 11

O fardo mental da manutenção de segredos

Quando você tem uma informação que está sendo ocultada de outras pessoas por qualquer um desses motivos, é necessário um certo esforço mental para mantê-la em segredo. Você tem que prestar muita atenção no que as outras pessoas saber também se eles têm permissão para saber as informações secretas.



Esse esforço mental pode ser um problema em uma conversa casual, onde é fácil deixar uma informação escapar sem querer. Nossas mentes têm uma capacidade limitada de processar informações. Portanto, se você estiver envolvido em uma discussão complexa, pode ser difícil manter o controle do que você tem permissão ou não de dizer, o que pode levá-lo a divulgar informações que não deveria.

Os segredos mais difíceis de guardar geralmente não são sobre boas notícias - são aqueles nos quais você fica a par de uma informação que tem consequências negativas, seja para a pessoa com o segredo ou para outra pessoa. A simples razão é que esse tipo de segredo cria tensão social. Em sua mente, se outras pessoas tivessem as informações que você possui, elas veriam o mundo de forma diferente de agora - provavelmente com um certo grau de choque. A verdade é que muitas vezes é bom provocar uma reação de outras pessoas quando você lhes diz algo, mesmo que não seja algo positivo.

Essa tensão cria o mesmo desejo que você sente de compartilhar uma piada que acabou de ouvir com pessoas que você não conhece. E é semelhante ao desejo que você sente de postar nas redes sociais sobre um novo produto, filme ou músico que você acabou de conhecer e que seus amigos ainda não ouviram falar.

Como manter melhor os segredos

No final, é importante reconhecer que nem todos os segredos são ruins.



Então, como podemos resistir à tentação de divulgar dados confidenciais? Comece revisando, ou pelo menos expandindo, sua ideia de honestidade - o que você pode fazer sem comprometer sua integridade (muitos de nós, inadvertidamente, combinamos essas duas coisas).

Um último fator que torna a manutenção de segredos tão difícil (especialmente no que diz respeito aos segredos de outras pessoas) é que evitando contar aos outros muitas vezes requer mentir abertamente ou por omissão. As pessoas mentem o tempo todo em pequenas coisas, mas contar uma mentira para proteger as informações de outra pessoa pode ser desconfortável: sentimos que estamos sendo deliberadamente desonestos - o que, tecnicamente, somos. O próprio ato de guardar um segredo está forçando você a transgredir um dos seus valores fundamentais, o que aumenta a pressão psicológica que já está envolvida em manter confidências.

Os filósofos passaram séculos contemplando a ética envolvida em situações como essas, mas no final, é importante reconhecer que nem todos os segredos são ruins. Sem cair muito na outra direção (onde reside o relativismo moral), é útil lembrar que, em muitos casos, as vantagens de reter informações podem ser altas, enquanto os custos de fazê-lo (para você ou outros) são pequenos. Reter informações que possam influenciar as opiniões de alguém também pode trazer benefícios - mesmo para a pessoa que está sendo mantida no escuro.

martin luther king jr dia de folga

Por outro lado, quando for solicitado que você mantenha um segredo que poderia colocar alguém em apuros, você deve pensar cuidadosamente sobre como deseja se envolver nessa situação. Em muitos casos, esses segredos ficam mais prejudiciais quanto mais tempo permanecem ocultos - o que pode colocar sua integridade em risco de qualquer maneira. Você pode escolher não ser o único a revelar o segredo, mas pode deixar claro que não está disposto a mentir explicitamente em nome de outra pessoa.

Deixe o contexto decidir quais segredos você guarda, caso contrário, sua psicologia pode acabar decidindo por você.